Ecocardiograma Transtorácico

 

Ecocardiograma transtorácico com Doppler a cores é um exame não invasivo que utiliza o ultrassom para visualização de toda a estrutura do coração. Permite avaliar a forma, o tamanho das cavidades e espessura das paredes do coração, a função de contração e de relaxamento, o funcionamento das válvulas cardíacas e os vasos sanguíneos que chegam e saem do coração.

Quando o exame é pedido

O ecocardiograma pode ser usado para diagnosticar ou acompanhar diversas doenças. Confira alguma das indicações do ecocardiograma transtorácico:

  • Acompanhar e diagnosticar cardiopatias congênitas, bem como observar os efeitos de uma cirurgia feita para o tratamento dessas doenças
  • Avaliar causas de sopro cardíaco
  • Avaliar o funcionamento do coração após um infarto
  • Identificar as causas e avaliar o tratamento de insuficiência cardíaca
  • Acompanhar resultados pós-operatório de cirurgias cardíacas
  • Diagnosticar doenças do pericárdio
  • Diagnosticar causas de acidente vascular cerebral

 

Como é realizado

Para a sua realização o(a) cardiologista especialista em ecocardiografia, utiliza-se de um transdutor na pele do paciente deslocando na região do tórax enquanto identifica as estruturas do coração e realiza medidas. Seu tempo de duração é variável, aproximadamente 20 minutos. Por ser um exame não invasivo, não apresenta nenhum risco para o paciente e em adultos não é necessário preparo e/ou cuidados. Devido a necessidade que o paciente permaneça imóvel para a precisão do exame, algumas crianças necessitam de fazer uso de uma medicação sedativa.

 

Outros tipos do ecocardiograma:

  • Ecocardiograma transesofágico: o transdutor de ultrassom, de alta frequência, é colado no interior do esôfago, na altura do coração, por meio de uma sonda de fibra óptica. A técnica permite o exame mais apurado de certas estruturas cardíacas específicas, em virtude da maior proximidade do transdutor com o coração.
  • Ecocardiograma com estresse farmacológico: ultrassonografia do coração com a infusão venosa de drogas “estressoras” cardíacas, que aumentam o consumo de oxigênio do órgão e cujas respostas são adequadamente monitoradas.
  • Ecocardiograma fetal: realizado através da parede abdominal da grávida e dirigido ao coração do feto em gestação, permite avaliar o coração intra-útero.